sábado, 27 de outubro de 2007

7 ou 8 operações stop, coño!!!

Pois é meus amigos, nao sei como é possível mas consegui bater o meu recorde de horas seguidas a dormir, e após ter dormido 24 !!! horas seguidas (o antigo recorde eram 17 ou 18) sinto-me pronto para escrever o meu primeiro post neste blog. Já tinha 1 ou 2 ideias em mente portanto nao se surpreendam se escrever um rio de palavras sem foz! Aqui vai:



Na última quinta-feira, consegui passar em 2 "operacões stop" em menos de 5 mins (caminho da alta até casa) e ter a sorte de nao ser parado em nenhuma delas elevando para cerca de 7 ou 8 o número de operacões stop consecutivas que consigo "evitar" e continuando a minha saga de sorte ou melhor, o meu karma positivo no que á polícia diz respeito. Ora vejamos, em 25 (mais 10 menos 3, por aí...) apenas fui parado em 7 ou 8, e estou numa streak de 7 ou 8 sem ouvir o famoso "Os seus documentos...". Se contarmos que das 7 ou 8 vezes que fui parado, só tinha tudo em ordem em 2 delas e que nas outras tinha alcóol em 2, estupefacientes em todas ou provavelmente todas, falta do papelinho do seguro em pelo menos 2, e que nas restantes havia algo em falta que a autoridade policial foi simpática em deixar passar com a certeza de que eu iria tratar disso o mais brevemente possível, sendo ainda que numa delas, com o nosso amigo Afonso ao meu lado, tivemos que esconder 15 euros de polén á pressa ja depois de parar... lol ...sem contar com o facto de nesse dia ter um farolim partido e ir sem cinto! Multas? zero... (aliás, estou a mentir pois na 1ª vez que fui parado, tinha eu a carta há 1 mês e o jipetz a abarrotar, tive uma multa de 5 contos em plena praça do Rossio).

Enfim, mais sorte penso que era impossível. Isto tudo sem contar que neste streak positivo em que me encontro passei metade das vezes pela operacão stop sem cinto ou quanto muito a pôr o cinto enquanto passava por "ela" e da outra metade estava a fumar (que penso que ainda é proibido enquanto se conduz).
Já dizia a minha avó "Coño!..." e já agora digo eu "...Que sorte inopinada!"



Ah pois é!, toda a nossa vida somos e fomos ensinados pelas gerações mais velhas que dizer palavrões é errado e feio, principalmente ao pé da mulher que queremos impressionar ou de criancas... pois entao qual não foi o meu espanto no dia em que descobri o que queria dizer coño. Até aqui tudo normal nao fosse o facto de que, desde que me lembro, a minha avó dizer coño (como nós dizemos porra ou melhor... merda ou foda-se) à frente do seu marido, dos seus filhos, genros e neto(s) (tem que ter o s entre parêntises pois como sou o neto mais velho por 3 anos ela pode e deve ter dito coño só com 1 neto presente). Mais engraçado que isto é o facto de cada vez que se escapava da minha boca um merda ou outro palavrão qualquer, mesmo que fraquinho, ela dar-me um sermão sobre como dizer palavrões é mau e ensinar-me mais um pouco da vida de Jesus Cristo e da igreja cristã. Se é verdade que eu não dúvido nem um pouco da fé e do catolicismo da minha avó também nao deixa de ser menos verdade que é estranho ela sempre ter dito um palavrão (mesmo que estrangeiro), ainda por cima dos grandes, sem problema algum de consciência.

Tem piada que tudo mudou no dia em que decidi finalmente perguntar aos meus pais o que queria dizer aquela palavra que nao parecia pertencer à língua portuguesa e que de vez em quando era dita naquela casa. Os meus pais lá me tentaram explicar à sua maneira e qual não foi o meu espanto quando vi a minha mãe a pedir à minha avó para não voltar a dizer essa palavra à nossa (de mim e dos outros netos) frente pois nós já sabíamos o que queria dizer e não convinha muito nós pensarmos que era normal dizer essa palavra. A partir desse dia raramente voltei a ouvir essa palavra no Soito.






Conselhos de como correr o risco de nao ser multado numa operacão stop:

- Ter bebido 1 imperial, 1 copo de vinho tinto e 2 moscatéis
- Ter fumado uma mix de bolota e erva
- Ser simpático para o polícia ao mesmo tempo que solidário pela seca que ele está a apanhar ao operar os condutores que param no stop
- Dizer coño trinta vezes em tom revoltado
- Contar 2 ou 3 histórias engraçadas (se possível histórias em que foi vítima) que tenham acontecido nesse dia ou que sejam recentes (para os pormenores ainda estarem frescos na memória, mas contada(s) como se tivesse(m) acontecido nesse dia)
- Ter boa capacidade de comunicação e boa apresentação
- Por último mas mais importante de todas, dar-lhes quase (para não desconfiarem) sempre razão e faze-los sentirem-se o boss do momento, uma pessoa importante pois, a partir do momento em que isto acontece, a probabilidade de sairem de lá sem a multa por falta do papel do seguro, por ir a falar ao telemovél ou por ir sem cinto passa de 5 para 55%.


Significado da palavra coño: http://oldblogs.sapo.pt/comentar?entry_id=574971

6 comentários:

Anónimo disse...

Ora aqui esta o belo exemplo do pq de essas operações stop continuarem a exstir...se todos fossem civilizados não era necessario "repressao policial". Não defendo a repressao policial para educar mas este relato dá razão a quem o defende...Afinal em todas as operações stop tinhas "qq coisa"...imagina...se fosses multado a serio em todas...ja n te estavas a rir e com certeza não andarias bebado, ou charrado de cada vez que pegas no carro (acto que é de uma falta de civismo incrivel)(não é à toa que eles multam as pessoas por andarem sem cinto ou bebadas a conduzir). Esperando pelo bem de todos que continues nesta vaga de bom karma...um bem haja.

Anónimo disse...

ah esqueci-me de assinar...anonima sara

Afonso disse...

Afonso efectuou um comunicado á imprensa há momentos, negando qualquer envolvimento com polens de qualquer espécie. "Mas eu sou alguma abelha?" disse ainda o conceituado artista.

Gomes disse...

num mundo perfeito a policia multava o pessoal sobrio

sara disse...

Bem, visto que tenho carta à menos de um ano e que agora, as cartas são provisorias por 3, o que diz que com apenas duas infracções graves ou uma muito grave (que no codigo novo passa por simplesmente pisar o traço continuo...) me caçam a carta. Vou certamente seguir o teu exemplo, mais axo que deves influênciar o maior numero de condutores possiveis para usarem das tuas práticas!! afinal o mundo não se quer livrar do excesso de veiculos em circulação?! ora ai está um bom começo, não há sorte que chegue a todos por isso espero que daqui a uns tempos, as horas de ponta passem a passeios tranquilos, em que poderemos usufruir da bela e reconfortante paisagem urbana...

quanto às 24h a dormir... ja experimentaste o coma?! pode ser um desporto que te complete...
vai por mim um dia tas no guiness!

be disse...

夢世界,
華麗幻想,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗幻想,
夢世界,
酒店經紀,
酒店工作,
酒店上班,
酒店打工,
禮服酒店,
禮服公關,
酒店領檯,
華麗幻想,
夢世界,
華麗夢想,
夢世界,